- Instituto PristinoInstituto Pristino

Gomesa gracilis (Orchidaceae) 

 

 

Distribuição geográfica: espécie endêmica dos Campos Rupestres Ferruginosos do Quadrilátero Ferrífero, mas especificamente nos municípios de Brumadinho (Serra da Calçada); Caeté (Serra da Piedade); Mariana (Mina da Samitri, Mina de Alegria, região da Mina de Fábrica Nova); Nova Lima (Mina de Capão Xavier, Serra do Curral); Ouro Preto (Serra do Capanema); Rio Acima e Santa Bárbara (Serra da Gandarela).

Domínios fitogeográficos: bacias hidrográficas do Rio São Francisco e Rio Doce no Bioma Mata Atlântica.

Forma de vida: erva rupestre presente em lajedos e pequenas fendas no Campo Rupestre Ferruginoso. Possui parte vegetativa de no máximo 15 cm de comprimento (pseudobulbo + um par de folhas) e escapo floral de no máximo 50 cm de comprimento. Inflorescência simples e composta por no máximo 12 flores.

Síndrome de polinização e dispersão: espécie possivelmente polinizada por abelhas (entomofilia) e com sementes dispersas pelo vento (anemocoria).

Risco de extinção: espécie considerada “Criticamente em perigo” segundo Fundação Biodiversitas, 2007.

Ameaças: as principais ameaças a esta espécie são as mineradoras, os condomínios particulares e as coletas predatórias.

Referências:

Borsali, E.F. 2012. A Flora Vascular Endêmica do Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais, Brasil: Levantamento das Espécies e Padrões de Distribuição Geográfica. 194 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte – MG.

Cogniaux, A. 1905. Orchidaceae. In: von Martius, C.F.P.; Eichler, A.W. & Urban, I. (eds). Flora Brasiliensis. Munique: Frid. Fleischer. 3 (6). 604p.

Fundação Biodiversitas 2007. Revisão das Listas das Espécies da Flora e da Fauna Ameaçadas de Extinção do Estado de Minas Gerais. Relatório Final Vol. 2 (Resultados: Lista Vermelha da Flora de Minas Gerais). Belo Horizonte. Disponível em <http://www.biodiversitas.org.br/floraBr/>. Acesso em 25 abr. 2017.

Gomesa in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em: <http://reflora.jbrj.gov.br/reflora/floradobrasil/FB121985>. Acesso em: 25 abr. 2017

Mota, R.C., Batista, J.A.N. & Borba, E.L. 2012. Orchidaceae. In: Jacobi, C.M. & Carmo, F.F. (orgs.). Diversidade Florística nas Cangas do Quadrilátero Ferrífero. Belo Horizonte: Ed IDM. p. 158-162.